28
Nov 09
 
 
 
 
 
 
 
 
 
A JSD Madeira viveu nos últimos dias, momentos históricos na Assembleia da Republica. Após a eleição da líder regional da Juventude Social-Democrata, Vânia Jesus, ao mais importante órgão legislativo nacional, assistimos ontem à aprovação na generalidade da proposta de alteração ao Decreto-Lei nº 66/2008, que regula a atribuição de um Subsídio social de mobilidade aos cidadãos beneficiados no âmbito dos serviços aéreos entre o Continente e a Região Autónoma da Madeira.
 
 
Esta uma bandeira e causa assumida da JSD Madeira, que sempre defendeu a resolução da situação lesiva dos direitos dos cidadãos madeirenses e em especial dos estudantes, actualmente confrontados com os elevados custos nas passagens aéreas, indispensáveis nas suas deslocações por imperativo de necessidade, resultantes da liberalização da linha aérea regional.

Nas últimas sessões plenárias da AR foram então discutidas alterações que prevêem que o subsídio a atribuir, assuma a
modalidade de pagamento de um valor percentual de 50% do montante da tarifa e de 65% para os estudantes, em vez dos 60 euros de subsídio por viagem.

Estas alterações obtiveram a aprovação, com os votos a favor dos grupos parlamentares da oposição e do sistemático voto contra do grupo parlamentar do Partido Socialista, que assim demonstra, mais um vez, a insensibilidade pelas preocupações e problemas de todos os madeirenses.

A proposta aprovada desce agora para comissão especializada, onde será analisada na especialidade, esperando a líder da JSD/Madeira, que a mesma seja melhorada, admitindo que poderá haver alguns aspectos a corrigir, no sentido de melhorar os direitos dos madeirenses.
publicado por JSDMADEIRA às 13:26

Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13
14

15
16
19
20
21

22
23
24
25
27

29
30


pesquisar neste blog
 
Nota:
A JSD Madeira disponibiliza a funcionalidade de comentário no blog www.juntosporideais.com um espaço livre e aberto à participação de todos os visitantes, para que possam dar contributos, opinião e informação sobre as temáticas colocadas à reflexão.

A JSD Madeira edita os comentários recebidos, respeitando o seu conteúdo, seleccionando-os segundo os critérios - actualidade e interesse. Contudo reserva-se no direito de publicar ou não os comentários que incluam opiniões ofensivas da dignidade e integridade moral de terceiros ou que incluam linguagem obscena.